ENVELHECIMENTO DA PELE

O envelhecimento é um processo natural que provoca alterações fisiológicas na pele. Assim, a pele envelhecida é normalmente mais seca, de textura irregular, apresenta rugas, redução da elasticidade e volume. O contorno facial pode também ser alterado durante este processo.

Todas estas mudanças acontecem devido a múltiplos fatores intrínsecos e extrínsecos. Afortunadamente, somos capazes de controlar os fatores extrínsecos de envelhecimento da pele.

Desafie o Envelhecimento

FATORES DE ENVELHECIMENTO EXTERNOS

  • Tabagismo
  • Exposição excessiva ao sol
  • Alimentação desequilibrada
  • Stress

Embora todos estes fatores extrínsecos contribuam para o envelhecimento da nossa pele, a maior ameaça é, sem dúvida, a radiação UV (ultravioleta) que resulta da exposição excessiva e prolongada ao sol.

A predisposição genética, a idade, o género ou raça podem determinar a qualidade da sua pele e constituem os fatores intrínsecos do envelhecimento cutâneo que não controlamos.

À medida que a idade vai avançando, há uma perda de elasticidade da pele devido à diminuição das fibras do colagénio e elastina. Há também perda de volume e uma menor capacidade de hidratação, uma vez que existe diminuição da quantidade de ácido hialurónico existente na pele.

COMO É QUE O ÁCIDO HIALURÓNICO PODE AJUDAR?

O AH tem variadas funções, desde conferir hidratação à pele até lubrificar as articulações. O AH é também responsável por ativar os fibroblastos, aumentando a produção de colagénio na pele, ao mesmo tempo que atrai moléculas de água. Este efeito é particularmente relevante pela sua capacidade de hidratação e de conferir volume, ações essenciais no combate ao envelhecimento cutâneo.